" />

Maternidade e empreendedorismo


  • 10 Nov, 2017

Quando chega o fim da licença maternidade, muitas mulheres se veem diante de um dilema: precisam e querem trabalhar, mas também não querem abrir mão da convivência com os filhos.

Essas mulheres estão encontrando no empreendedorismo uma forma de manter o trabalho e também ser uma mãe mais presente no dia a dia da família, é o movimento do Empreendedorismo Materno que ainda está ganhando força no país.

Do total de mulheres empreendedoras no Brasil, 60% são mães e 74% acreditam que assim, têm mais tempo com os filhos, segundo pesquisa realizada pelo Guia Startups.

Cada família possui uma realidade e cada tipo de negócio vai exigir uma preparação diferente. Entretanto, é importante ter em mente a diferença que é empreender depois dos filhos.

É muito comum a insegurança quando ficamos diante de algo novo. Muitas mulheres nunca pensaram em ter um negócio próprio e, quando se veem diante dessa opção, sentem medo.

Olhe com a mesma garra para sua história, com amor, carinho e cuidados. Negócios geridos por mulheres e mães costumam ter muitos diferenciais. Elas são mais cuidadosas e empáticas. Use isso a seu favor e a favor da construção da história do seu negócio.

Artigo adaptado do site: https://www.magazinefeminina.com.br/maternidade-e-empreendedorismo-5-conselhos-para-abrir-seu-negocio/